Maresia-Mar

Este blog será parte de mim, o encontro de amigos e emoções. Serei eternamente criança, azul de alma e coração... O mar, o meu refúgio, o meu porto seguro!

terça-feira, junho 5

Para desopilar!

esta é mesmo para rir, eu que vos estou sempre a mandar sorrir, aqui vai... até que aqui se diz umas boas verdades, isso é... recebi por mail e decidi partilhar com todos vocês.
Esta semana para mim é curtinha, uau, que bom. Aproveitem este sol maravilhoso o melhor que puderam, eu também vou fazer por isso.
Beijos e não se esqueçam de serem felizes!
===
Monologo de uma mulher moderna:

"São 5.30H da manha, o despertador não pára de tocar e não tenho forças nem para atirá-lo contra a parede. Estou acabada. Não quero ir trabalhar hoje. Quero ficar em casa, a cozinhar, a ouvir musica, a cantar, etc. Se tivesse um cão levava-o a passear nos arredores. Tudo menos sair da cama, meter a primeira e ter de por o cérebro a funcionar.
Gostava de saber quem foi a bruxa imbecil, a matriz das feministas que teve a infeliz ideia de reivindicar os direitos da mulher e porque o fez connosco que nascemos depois dela?
Estava tudo tão bem no tempo das nossas avós, elas passavam o dia todo a bordar, a trocar receitas com as suas amigas, ensinando-se mutuamente segredos de condimentos, truques, remédios caseiros, lendo bons livros das bibliotecas dos seus maridos, decorando a casa, podando arvores, plantando flores, recolhendo legumes das hortas e educando os filhos. A vida era um grande curso de artesãos, medicinas alternativas e de cozinha.
Depois ainda ficou melhor, tivemos os serviços, chegou o telefone, as telenovelas, a pílula, o centro comercial, o cartão de credito, a Internet!
Quantas horas de paz a sós e de realização pessoal nos trouxe a tecnologia!
Até que veio uma tipa, que pelos vistos não gostava do corpinho que tinha, para contaminar as outras rebeldes inconsequentes com ideias raras sobre "vamos conquistar o nosso espaço" Que espaço?! Que caraças!
Se já tínhamos a casa inteira, o bairro era nosso, o mundo a nossos pés!!! Tínhamos o domínio completo dos nossos homens, eles dependiam de nós, para comer, vestirem-se e para parecerem bem à frente dos amigos e agora? Onde é que eles estão???
Nosso espaço???!!!...
Agora eles estão confundidos, não sabem que papel desempenham na sociedade, fogem de nós como o diabo da cruz.
Essa piada... essa grande graça, acabou por encher-nos de deveres.
E o pior de tudo acabou lançando-nos no calabouço da solteirice crónica aguda!!!!
Antigamente os casamentos eram para sempre. Porquê? Digam me porquê, um sexo que tinha tudo do melhor que só necessitava de ser frágil e deixar-se guiar pela vida começou a competir com os machos? A quem ocorreu tal ideia?
Vejam o tamanhão dos bíceps deles e vejam o tamanho dos nossos! Estava muito claro que isso não ia terminar bem.
Não aguento mais ser obrigada ao ritual diário de ser magra como uma escova, mas com as mamas e o rabo rijos, para o qual tenho que me matar no ginásio, ou de juntar dinheiro para fazer uma mamoplastia, uma lipo, ou implantes nas nádegas... Alem de morrer de fome, pôr hidratantes, anti-rugas, padecer do complexo do radiador velho a beber agua a toda a hora e acima de tudo ter armas para não cair vencida pela velhice, maquilhar-me impecavelmente cada manha desde a cara ao decote, ter o cabelo impecável e não me atrasar com as madeixas, que os cabelos brancos são pior que a lepra, escolher bem a roupa, os sapatos e os acessórios, não vá não estar apresentável para a reunião do trabalho.
E não só, mas também ter que decidir que perfume combina com o meu humor, ter de sair a correr para ficar engarrafada no transito e ter que resolver metade das coisas pelo telemóvel, correr o risco de ser assaltada ou de morrer numa investida de um autocarro ou de uma mota, instalar-me todo o dia em frente ao PC, trabalhar como uma escrava, moderna claro esta, com um telefone ao ouvido a resolver problemas uns atrás dos outros, que ainda por cima não são os meus problemas!!! tudo para sair com os olhos vermelhos - pelo monitor, porque para chorar de amor não há tempo!
E olhem que tínhamos tudo resolvido, estamos a pagar o preço por estar sempre em forma, sem estrias, depiladas, sorridentes, perfumadas, unhas perfeitas, operadas, sem falar do currículo impecável, cheio de diplomas, de doutoramentos e especialidades, tornámo-nos super-mulheres mas continuamos a ganhar menos que eles e de todos os modos são eles que nos dão ordens!!!!
Que desastre!
Não seria muito melhor continuar a cozer numa cadeira?? Basta!!!
Quero alguém que me abra a porta para que possa passar, que me puxe a cadeira quando me vou sentar, que mande flores, cartinhas com poesias, que me faça serenatas à janela!
Se nós já sabíamos que tínhamos um cérebro e que o podíamos utilizar para quê ter que demonstra-lo a eles??
Ai meu Deus, são 6.10H, e tenho que levantar-me da cama...
Que fria está esta solitária e enorme cama! Ahhhh... Quero um maridinho que chegue do trabalho, que se sente ao sofá e me diga: Meu amor não me trazes um whisky por favor? ou: O que há para jantar? Porque descobri que é muito melhor servir-lhe um jantar caseiro do que atragantar-me com uma sanduíche e uma Coca-Cola light enquanto termino o trabalho que trouxe para casa.
Pensas que estou a ironizar ou a exagerar?
Não minha queridas amigas, colegas inteligentes, realizadas liberais.... e idiotas!
Estou a falar muito seriamente:
Abdico do meu posto de mulher moderna."
E digo mais: A maior prova da superioridade feminina era o facto de os homens esfalfarem-se a trabalhar para sustentar a nossa vida boa!
Agora somos iguais a eles!
Ai ai!!!

26 Comentários:

Às 05 junho, 2007 , Anonymous Fallen Angel disse...

Pois é minha querida, parece que ainda falta muito para o fim de semana, mas não tarda muito tens um feriado à porta para poderes descançar.
Obrigada pelo teu carinho no meu cantinho. Continua a aparecer que eu gosto muito da tua presença por lá.
Beijocas fofas.

 
Às 06 junho, 2007 , Anonymous paraquedista disse...

Pois, pois... E a tua sorte é seres uma mulher do norte senão estavas lixada. Sabemos que ao contrário do que muita gente pensa, as mulheres no norte, a maior parte, sabe bem desde pequenas o que é trabalhar, fazer pela vida, no bom sentido claro. Por isso é que no sul vingam-se chamando "galegas" e daí pra cima. Desculpas... Bom feriado e óptimo fim de semana que é já a seguir.

 
Às 06 junho, 2007 , Blogger cm disse...

...acima da igualdade há o respeito pela diferença...utopia não é?...que se dane, pelo menos venha lá esse fim de semana....um abraço

 
Às 06 junho, 2007 , Blogger Bia disse...

também já recebi este mail, mas nunca é demais voltar a ler pois as gargalhadas são gerais, mas pensando bem olha que as mulheres de antigamente até tinham bem mais sorte que nós :))
Nós é a casa, é o trabalho, são os filhos bem! e o despertador nem se fala!
beijinhos e um bom fim de semana cheio de sorrisos

 
Às 07 junho, 2007 , Blogger A.S. disse...

Presumo que terás um fim de semana prolongado... por isso aprovieta e diverte-te!!!


Um beijo...

 
Às 07 junho, 2007 , Blogger Ana disse...

Falta pouco para o fim-de-semana:)

O teu post magnífico fez-me rir vezes sem conta! Mas, apesar dos senãos acho que continuo a preferir estestempos "modernos"...

Um beijinho

 
Às 07 junho, 2007 , Blogger greentea disse...

se é por causa disso , eu sou do sul e esfalfo-me a trabalhar nem sequer vou entrar ao barulho com a maresia que ela é boa pequena e adorei o texto de hoje e fiquei a pensar na correria do meu dia , das panelas que tive de arrumar e meter na máquina, da trabalheira para pôr tudo a geito no frigorifico, escolher e passar as toilettes, os acessórios, os sapatinhos, tudo para dentro da mala que amanhã o despertador vai tocar cedo mas é para me pôr ao fresco e aproveitar o fim de semana grande.
A minha avó a esta hora já tinha acabado o serão há q tempos que a candeia não dava para alumiar o bordado...

 
Às 08 junho, 2007 , Blogger Cristina disse...

Já é amanhã, diverte-te muito
beijinhu

 
Às 09 junho, 2007 , Blogger Isa&Luis disse...

Só lamento que as mulheres, no tempo em que ficavam em casa, nunca tenham aprendido a educar os homens.
De resto gostei muito do que li e acho que só tens razão na medida em que o mundo, do modo como funciona, vos transformou de escravas do lar em escravas do sistema económico, tal como os homens já eram e continuam a ser.

Um beijo.
Luis

 
Às 09 junho, 2007 , Blogger isabel disse...

já está!!!

e se eles disserem que gostam dos nossos pelos, não acredites!!

Beijos linda :))

 
Às 10 junho, 2007 , Anonymous collybry disse...

E já estamos quase no fim...

Gostei muito de ler este Teu texto,

Meu doce beijo

 
Às 10 junho, 2007 , Blogger As cores da vida disse...

Já é Domingo... =/

lool *

 
Às 10 junho, 2007 , Blogger Melões Melodia disse...

Muito bom

 
Às 10 junho, 2007 , Blogger sonhadora disse...

Sonha. Sonha sempre.
Beijinhos embrulhados em abraços

 
Às 11 junho, 2007 , Anonymous Paulo Mello disse...

O fim de semana chegou... e já se foi! Foi tão curtinho, amiga!

Vim matar saudade, atualizar a leitura, e fiquei aqui a morrer de rir com tua postagem. Vou mandar para uma amiga que vive reclamando do "feminismo" que acabou com a boa vida que ela tinha (rs).

Deixo um abraço e os votos de uma semana do jeitinho que você gosta... bem curtinha, pra chegar logo o fim de semana (rs).

 
Às 11 junho, 2007 , Blogger Maria disse...

Apesar de tudo, apesar de tudo, eu não trocava...

Beijo e boa semana

 
Às 11 junho, 2007 , Blogger isabel disse...

já acabou??

Nós estamos aqui!!

Beijinhos

 
Às 11 junho, 2007 , Blogger greentea disse...

não sei porquê ...está a vista ....

 
Às 11 junho, 2007 , Blogger sonhadora disse...

Carpe diem!
Beijinhos embrulhados em abraços.

 
Às 11 junho, 2007 , Blogger A.S. disse...

Uma semana feliz para ti um beijo!...

 
Às 11 junho, 2007 , Blogger Menina do Rio disse...

Bons tempos, aqueles...
Pelo menos até o dia em que umas imbecis resolveram queimar os sutiâs...
Agora pagamos o preço desta falsa liberdade.

beijinhos

 
Às 11 junho, 2007 , Blogger Teresa Calcao disse...

Texto interessantissimo......com uma visao, da qual eu partilho as mesmas ideias!!!!!
Beijinho doce

 
Às 11 junho, 2007 , Blogger Papoila disse...

Maresia:
Ri tanto com este texto ... divertiu-me mesmo... mas não sei se queria ser doméstica... um meio termo chegava!
Beijo

 
Às 12 junho, 2007 , Blogger o alquimista disse...

Não sei se ei-de rir se ei-de chorar...?

Ditosos são os amantes ao fim do dia, não deixam sombra na noite, trocam palavras, juras em harmonia, e o encanto floresce à cadência da palavra, explode no peito com fome de beijo, solto...

Uma maravilhosa semana para ti


Doce e terno beijo

 
Às 12 junho, 2007 , Blogger o alquimista disse...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
Às 12 junho, 2007 , Blogger elsa nyny disse...

Olá!!
A esta hora da manhã...gostei deste texto!!!

beijinhos!
:)

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial